Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
TTIP, UE e EUA: Golpe transnacional contra a soberanía popular
19/09/2014Gonzalo Fernández Ortiz de Zárate e Juan Hernández Zubizarreta
O TTIP vai alterar as regras de xogo que coñecemos en Europa, xerando unha estrutura político-xurídica que entroniza definitivamente o ánimo de...
O Califado contra o resto do mundo
19/09/2014Immanuel Wallerstein
A menos que o Califado desmorone no futuro próximo (o que parece muito improvável), este esforço militar irá em breve expor uma vez mais os lim...
A luta pela paz
19/09/2014Ilda Figueiredo
A loucura da guerra é uma ameaça cada vez maior sobre os povos do Mundo, incluindo da Europa, como dramaticamente se vê todos os dias nas afirma...
Galiza diante da encrucillada soberanista. [A 81 anos do IX Congreso das Nacionalidades Europeas]
17/09/2014Uxío Breogán Diéguez
Sen dúbida algunha, a cuestión nacional volve estar de actualidade (se é que nalgunha ocasión deixou de estalo). O proceso soberanista escoc...
Escócia: A economia e a independência
17/09/2014James Foley e Pete Ramand
A Escócia tem os recursos físicos para liderar a nova revolução energética, com um quarto do vento da Europa e do potencial das marés, e um d...
Alucinações bélicas
15/09/2014Jorge Cadima
Opinión
Obama escolheu pesos pesados do pensamento imperial americano para tirar os Estados Unidos de sua maior crise desde a depressão dos anos 30. Entre eles o general veterano da guerra-fria, James Jones, ex-comandante da OTAN e os dois principais formuladores da estratégia americana de dominação financeira: Lawrence Summers, que foi Secretário do Tesouro de Clinton e economista chefe do Banco Mu...
1. Expulsas de suas casas pela crise dos subprimes, algumas famílias estado-unidenses tinham decidido associar-se, gerindo em comum as economias que lhes restavam. Depois de terem ponderado diversas hipóteses e reflectido sobre diversos projectos, puseram-se de acordo para abrirem um mini-mercado, na pequena cidade onde se viram obrigados a procurar refúgio, depois da perda das suas casas e al...
8/1/2009 Nidia Díaz // Vermelho
O ano de 2008 foi marcado na América Latina e no Caribe, fundamentalmente, pela consolidação e ampliação dos diversos processos de transformação social, política e econômica que acontecem na região, além de tudo, com características de posições independentes e de defesa da soberania nacional que se tornaram patentes em momentos diferentes ao longo do período. O regime de Geor...
20090108_palestina.ataque.israeli.xan2009
Se o Hamas é considerado uma organização terrorista e nunca invadiu territórios israelenses, como deve ser considerado o Exército de ocupação israelense? 1) A questão de fundo dos conflitos na Palestina é o veto dos EUA e a oposição militar de Israel contra a resolução da ONU do direito de existência de um Estado de Israel e de um Estado Palestino. O Estado israelense existe, ...
O que Israel teme não é o terrorismo e sim a independência palestina. Israel não permitirá que emerja um governo palestino soberano sobre a terra que pretende manter – e provavelmente expandir – como a sua própria. A Autoridade Palestina estava e está no bolso de Israel. O Hamas nunca será peão de Israel. Portanto, ele deve ser erradicado. Esta é a principal razão para a actual gue...
20090107_2009 copia
Todo indica que o ano 2009 será o de todos os perigos. Porque agoniza unha era, a do neoliberalismo, e comeza, ás apalpadelas, un novo paradigma. Debese tamén ser o momento de todas as oportunidades. Para empezar a edificar, por fin, un mundo mellor... "Balas para os mozos, cartos para os bancos". Este expresivo berro de ira dos amotinados de Grecia ben podería sentirse, ao lo...
cig.prensa@galizacig.com