Portada
Temas
Confederal
Sectores
Entrevistas
Opinion
Multimedia
Contacta
 
Artigos de opinión
O voto no SIM na Escócia soltaria a mais perigosa das coisas: a esperança
15/09/2014George Monbiot
Se a Escócia se tornar independente, sê-lo-á apesar dos esforços de quase todo o establishment do Reino Unido. Sê-lo-á porque os meios de com...
Ucrânia: O empréstimo do FMI, sob a nova guerra fria
15/09/2014Michael Hudson
O apoio dos EUA e do FMI parece destinar-se a ajudar a reduzir a dependência europeia do gás russo de modo a espremer sua balança de pagamentos....
Alucinações bélicas
15/09/2014Jorge Cadima
O Estado-Maior da guerra imperialista, a NATO, realizou uma Cimeira há poucos dias. O extenso comunicado final da Cimeira é alucinante. O ataque ...
Independência da Escócia: Romper o decadente Estado britânico
11/09/2014Tariq Ali
O notável crescimento do movimento pró-independência é o resultado do desmantelamento do Estado Social feito por Thatcher, com os aplausos e a ...
UE, um modelo de capitalismo dependente
11/09/2014Vaz de Carvalho
Os tratados da UE e o euro são o culminar de um processo de relações de capitalismo dominado face a um centro dominante, em que são estabelecid...
Obama, a máscara do fariseu
05/09/2014Miguel Urbano Rodrigues
Opinión
20081112_outro.mundo.posibel
Nós não podemos nos satisfazer em falar apenas na crise financeira e na necessidade de regulação. Se não se fizer nada, de 20% a 30% de todas as espécies vivas poderão desaparecer daqui a um quarto de século. O nível e a acidez dos mares aumentarão perigosamente, o que pode gerar entre 150 e 200 milhões de refugiados climáticos a partir da metade do século XXI. O mundo tem nece...
20081112_tv.obama
Nos EUA, como na América Latina, segue sendo válida essa distinção entre chegar ao governo e tomar o poder. Obama chegou ao governo, mas está a anos luz de ter conquistado o poder (no caso de que tenha se proposto). O anunciado triunfo de Barack Obama desencadeou a tradicional enxurrada de notícias e conjecturas jornalísticas acerca das grandes mudanças que poderão se produzir com...
Resulta obsceno advertir como os gobernos da dereita e socialdemócratas saen en defensa das súas corruptas elites financeiras. Desde Estados Unidos até Holanda, pasando por Alemaña, Italia, Francia, España ou Canadá. Milleiros de millóns de euros e dólares son entregados aos bancos para manter aberto o casino. Marx, ao comezar O dezaoito Brumario de Luís Bonaparte, coa súa ironía...
11/11/2008 Eduardo Galeano // Página 12
20081111_obama.cartaz.cambio
Obama probará, desde o goberno, que as súas ameazas guerreiras contra Irán e Paquistán foron nada máis ca palabras, proclamadas para seducir ouvidos difíciles durante a campaña electoral? Oxalá. E oxalá non caia nin por un momento na tentación de repetir as fazañas de George W. Bush. Á fin e ao cabo, Obama tivo a dignidade de votar contra a guerra de Iraq, mentres o Partido Dem...
11/11/2008 Lejeune Mirhan // Vermelho
Há várias questões que são fundamentais para a política dos Estados Unidos no Oriente Médio e que Barak Obama vai ter que tratar e de imediato. Qualquer que venha a ser o seu posicionamento vimos, de forma ampla, pelo noticiário, que em diversos países houve ampla comemoração pela vitória de Obama nas eleições. Um político contraditório Não farei aqui uma análi...
11/11/2008 Altamiro Borges // Vermelho
20081111_crise.mani
A atual crise mundial evidencia que não há falta de recursos para resolver as mazelas sociais no planeta. Em curto espaço de tempo, os estados capitalistas desembolsaram trilhões para socorrer os bancos. Já para salvar a humanidade da barbárie, o dinheiro nunca existe. Num curtíssimo espaço de tempo, com o agravamento da crise mundial do sistema capitalista, os bancos centrais dos c...
cig.prensa@galizacig.com